Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

as surpresas de DEUS!

O nosso diário: aprendemos, vivemos e partilhamos a nossa Fé.

as surpresas de DEUS!

O nosso diário: aprendemos, vivemos e partilhamos a nossa Fé.

22
Jan16

15 conselhos para ser humilde...

Helena Le Blanc

1 - Falar de si tão pouco quanto for possível!

2 - Ocupar-se dos seus próprios assuntos.

3 - Evitar a ociosidade.

4 - Não querer resolver os assuntos dos outros.

5 - Aceitar as contradições com bom humor.

6 - Passar por alto as faltas dos outros.

7 - Aceitar a censura mesmo quando se está inocente.

8 - Ceder à vontade dos outros.

9 - Aceitar insultos e injúrias.

10 - Aceitar ser desconsiderado, esquecido e desprezado.

11 - Ser gentil e amável mesmo quando nos provocam.

12 - Não procurar ser admirado e amado.

13 - Não se escudar atrás da própria dignidade.

14 - Ceder nas discussões mesmo quando se tem razão.

15 - Escolher sempre o mais difícil.

 

Descobri isto num livro que me emprestaram sobre Madre Teresa Calcutá. 

UAUUU

Alguns destes conselhos são muito difíceis de serem seguidos!

E eu pensava que sabia o que era ser humilde!

Uma bela surpresa de Deus! (as surpresas não têm que ser sempre boas, certo?)

Uma grande chamada de atenção; um puxão para a realidade.

Isto lembrou-me o que alguém me dizia hoje: só na dor é que poderemos crescer! 

 

Não sei se alguma vez conseguirei concretizar alguns destes conselhos!

 

Qual deles o mais difícil?

09
Out15

O melhor amigo do Xavier!

Helena Le Blanc

O Xavier, há muito que tem um grande amigo: o Rodrigo!

Ambos têm uma diferença de 2 semanas, na data de nascimento.

Desde que se encontraram na mesma Creche, começaram a relacionar-se muito um com o outro.

Este ano, transitaram da Creche para a Educação Pré-Escolar, e continuam juntos!

Nós, pais e mães, desce cedo apercebemos-nos disso e temos tentado respeitar esta ligação e mantê-los juntos na escolinha.

Até ao momento temos conseguido.

IMG_0712.JPG

Acontece que ontem, quando fui buscar o meu filho, ao fim do dia, observo pela 2ª vez uma coisa que na minha a opinião é extraordinária, e passo a explicar:

 

Na maior parte dos dias, quando eu vou buscar o meu filho, é quase hora de fecho da escolinha. É costume ele ser um dos últimos a sair. Já me fizeram notar que ele fica muito ansioso à minha espera. Por isso, ultimamente, tenho feito um grande esforço para o ir buscar a horas decentes.

Quando o vou buscar, ele está na sala da televisão, e não na sala de grupo/trabalho. Todas as crianças do pré-escolar, a partir mais ou menos das 17h30, vão para esta sala fazer diversas atividades da componente de apoio à família enquanto esperam as suas famílias.

Como me tenho esforçado por ir buscá-lo mais cedo, aconteceu observar o seguinte: o meu filho reconhece-me, corre para os meus braços, dá-me miminhos e depois corre para a sua sala de grupo/trabalho, que esta fechada ao trinque (com as luzes apagadas). Entretanto eu concentro-me no registo que tenho que fazer, identificando-me quem, e entretanto, pelo canto do olho, vejo-o a sair da dita sala com uma coisa na mão, regressando à sala da televisão. Passado um minuto vem outra vez ter comigo. 

 

Na primeira vez registei o momento (tenho uma boa memória fotográfica) mas não dei muita importância. 

Ontem aconteceu a mesma coisa, mas desta vez tive o cuidado de tentar perceber o que se passava, e o porquê daquilo. 

O Xavier teve a preocupação de ir buscar à sala um brinquedo para deixar ao Rodrigo para este brincar. Não foi para trazer para casa, mas para deixar ao amigo, na sala da televisão, enquanto este ficava à espera da sua mamã, do seu papa ou da sua avó!

 

Eu achei incrível! Quando percebi e tive consciência fiquei quase sem respiração! Um menino de 3 anos tem este tipo de discernimento e de generosidade!

O meu filho dá-me uma grande lição com este simples gesto!

Cada vez mais, me sinto tão grata por Deus ter confiado esta criança ao meu cuidado! 

 

" Jesus (...) disse:

Deixem as crianças vir ter comigo! Não as estorvem, porque o reino dos céus é dos que são como elas! 

Em seguida, pôs as mãos sobre as crianças(...)"

Mateus, 19, 14

IMG_8020.JPG

 Meus Deus, Meus Deus!  

Esta foi uma grande surpresa!

Como me sinto envergonhada por perceber que o meu filho, com 3 anos,

consegue ser melhor amigo e companheiro, do que eu com 40 anos! 

 

Sigam-me

Comentários recentes

  • Anónimo

    Regular updates to the countdown to the Day of the...

  • Helena Le Blanc

    Ola!Obrigada Sr./Sr.ª Desconhecido(a).Vou dar notí...

  • Anónimo

    Mudou-se para o sapo e nunca mais escreveu?Dê notí...

  • Bruxa Mimi

    Boas leituras, Lena!Bjs,Mimi

  • Anónimo

    Bela ideia! Acho que o senhor padre este ano quer ...

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

Mais sobre mim

foto do autor