Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

as surpresas de DEUS!

O nosso diário: aprendemos, vivemos e partilhamos a nossa Fé.

as surpresas de DEUS!

O nosso diário: aprendemos, vivemos e partilhamos a nossa Fé.

26
Nov16

Outra surpresa no correio

Helena Le Blanc

Há uns tempos atrás recebi uma surpresa no correio: AQUI.

Pois bem, recebi outra surpresa no correio.

Eu sabia que provavelmente iria receber. Tinha visto um artigo do site ALETEIA (AQUI) que poderia receber uma relíquia da Santa Teresa de Calcutá. Segui as instruções. Troquei alguns email com a congregação das Irmãs da Caridade de Roma e fiquei na expetativa...

Esta relíquia iria ser muito especial: para além de ser a nossa primeira, nós tínhamos concebido um bebé no fim de semana da sua canonização em Roma (AQUI).

Portanto, depois do que aconteceu (AQUI) nunca mais me lembrei disto. 

Chegou... logo depois da nossa perda.

Fiquei... não sei como. Não consigo descrever o que senti ao olhar para o envelope. Fiquei um bocado assim, a olhar para o envelope sem abrir. Primeiro a tentar "digerir" e depois a tentar decidir o que haveria eu de fazer!

Abri (obviamente).

Foi com muito interesse que eu e o James observamos o que vinha lá dentro: 

- uma medalha para cada um;

- uma pagela com uma oração em português para cada um;

- uma pagela plastificada com um bocadinho de tecido para cada um - a relíquia (bolinha na foto com um pedaço de tecido branco).

 

Esta viajou de Calcutá para Roma, depois de ter tocado o túmulo de Santa Teresa de Calcutá, sento então uma relíquia de 2º grau (espero estar a dizer bem).

 

Retomando, antecipei alguma tristeza ao abrir o envelope mas, pelo contrário foi uma lufada de ar fresco.

Ficamos muito animados com as relíquias, dividindo entre nós imediatamente todos os objetos.

Pedi a relíquia com muita alegria e também a recebemos com muita alegria, porque sabemos que a Santa Madre Teresa de Calcutá continua o seu trabalho de misericórdia, intercedendo pelos mais pobres, mais fracos, pelos mais infelizes, pelos mais pecadores...

 

IMG_8221.JPG

 

Esta relíquia poderá ser um bom "amuleto".

Há muitas pessoas que agarram-se a objetos para lhes dar proteção e confiança, suponho

Amigo(a), porque é que não pedes uma relíquia para ti também? Não importa o resto, se és mais ou menos católico ou religioso... Não tens nada a perder: AQUI

O mundo sabe que a Madre Teresa de Calcutá foi uma mulher extraordinária, 

A minha relíquia coloquei-a na minha carteira. A medalha está numa pulseiro que uso frequentemente.

IMG_8222.JPG

 

Santa Teresa de Calcutá,

tu permitiste que o amor sedento de Jesus na cruz se tornasse uma chama viva dentro de ti, e assim chegaste a ser luz do Seu amor para todos. Obtém do Coração de Jesus .... (fazer o nosso pedido)

Ensina-me como deixar que Jesus penetre e possue todo o meu ser, tão completamente, que a minha vida também possa irradiar a Sua Luz e amor para os outros. 

Ámen

 

(Oração na pagela que recebemos)

 

13
Set16

Vaticano: Teresa de Calcutá parte 1

Helena Le Blanc

Eu tive a graça de estar presente na praça de S. Pedro quando o Papa Francisco declarou que a beata Madre Teresa de Calcutá é SANTA.

Ainda não percebi realmente como tudo aconteceu.

Entendam: eu sei como tudo aconteceu mas de uma ideia quase impossível  passou a ser uma possibilidade que realmente se concretizou!

UAUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUU

Foi uma experiência muito intensa, que teve de tudo um pouco: os primeiro e os últimos, o muito e o pouco, o alto e o baixo, o mais e o menos, etc...

O meu marido não gosta de multidões, nem sequer de viajar. Prefere a sua casa, o seu colchão. No entanto, porque me ama, aceitou acompanhar-me nesta oportunidade única: estar lá, na canonização de Santa Teresa de Calcutá.Sem Título.jpg

Adorei cada instante... mesmo de baixo de condições extremas! Foi especial: cada minuto ficou marcado (alguns a ferros) na minha memória. Mais do que as palavras (neste século em que vivemos) deixo-Vos as imagens:

_DSC5893.JPG_DSC5895 (1).JPG

 

 

 

 

_DSC5905.JPG

_DSC5915.JPG_DSC5912.JPG

_DSC5918.JPG_DSC5921.JPG

_DSC5925.JPG_DSC5927.JPG

_DSC5928.JPG_DSC5930.JPG

_DSC5974.JPG

_DSC6103.JPG

O grupo juntou-se para entrar na praça de S. Pedro.

_DSC6115.JPG

_DSC6118.JPG

_DSC6130.JPG

_DSC6145.JPG_DSC6146-001.JPG

_DSC6143.JPG

_DSC6148.JPG_DSC6138.JPG

 

_DSC6150.JPG_DSC6187 (2).JPG

_DSC6163.JPG

 Enquanto esperávamos por sua Santidade, ouvimos músicas deste coro:

_DSC6182.JPG

 Apesar de ainda estarem a "compor" o espaço, iniciou-se o "Acolhimento". 

_DSC6194.JPG

 O Dr. Manuel Lemos a acolher os peregrinos em português:

_DSC6195.JPG

 Se desguida vimos uma pequena apresentação de dança:

_DSC6201.JPG_DSC6202.JPG

_DSC6205.JPG

_DSC6208.JPG

_DSC6207-001.JPG

 Ouvimos diversos testemunhos de vida, em italiano ou inglês. Esta foto é de uma família em que todos os elementos falaram sobre a sua experiência:

_DSC6248.JPG

 _DSC6263.JPG

_DSC6256.JPG_DSC6264.JPG

_DSC6275.JPG

 Este grupo, da Índia, apresentou uma bela canção, com expressão corporal, e que acolheu o Papa Francisco:

_DSC6286 (1).JPG

_DSC6300.JPG_DSC6302-001.JPG

Neste encontro, convocado pelo Papa, estiveram representados todos os grupos voluntários e operadores da Misericórdia.

_DSC6308.JPG

_DSC6311.JPG

_DSC6383.JPG

 O Papa Francisco, depois de ocupar o seu lugar, começou por ouvir uma introdução/apresentação, em que contextualizava o encontro e onde foram enumerados os países que estavam representados naquele encontro.

_DSC6395.JPG

Seguiu-se de mais um testemunho. Tive pena não ter conseguido perceber tudo relativo a este. Entendi que o Sr. num belo dia, depois de ter chegado a sua casa, aparece-lhe a polícia especial à sua porta com uma acusação de pertencer à Máfia. Foi preso. Não consegui entender muito mais porque foi em italiano e o Sr. estava muito emocionado a contar a sua história.

_DSC6402.JPG

Aqui ouvimos uma Missionária da Caridade a falar da sua experiência numa zona de guerra.

_DSC6410 (1).JPG

_DSC6415.JPG

E chegou o momento da catequese do Papa Francisco:

_DSC6421.JPG

 O texto da catequese: clica AQUI

 

Quando terminou o Santo Padre subiu no papamóvel e deu diversas voltas à praça. Não consegui nenhuma boa foto desta maior proximidade. 

_DSC6376.JPG

Depois observei ao afastar da praça, no fim da avenida, uma coisa interessante: uma "barraquinha" da Misericórdia que fornecia aos grupos uma cruz e um texto-guião. Como quando entramos foi por uma das laterais, não me apercebi desta atividade o acesso principal. Reparei que a fila era grande para esta barraquinha. A meio do caminho paravam: suponho que era para rezar...

_DSC6429.JPG

_DSC6431.JPG

_DSC6434.JPG

Uma bela maneira de entrar na praça de S. Pedro!

_DSC6438.JPG

Afasta-mo-nos para descansar, almoçar, sentar, relaxar...

_DSC6444.JPG

E refletir...

_DSC6461.JPG

 

 Cara Amiga/o, continuo no próximo post 

(tirei demasiadas fotos e não consigo escolher!)

 

 

03
Set16

o silêncio na minha vida

Helena Le Blanc

"Silêncio do espírito e do coração" 

 

Santa Madre Teresa de Calcutá, num belo dia, disse: "não podemos falar antes de O escutar no silêncio dos nossos corações."*

Isto ainda à cerca do segredo dela: simplesmente rezar.

IMG_4952 (1).jpg

"A oração começa pelo silêncio interior".*

"Se queremos rezar, temos que aprender a escutar primeiro porque Deus fala no silêncio do coração".

Penso: ontem quantas vezes é que o meu espírito e coração estiveram em silêncio? Acho que nenhuma. Estou a lembrar-me do momento mais pacifico que tive: conduzir quatro viagens, entre Sangalhos e Anadia.

Estive em silêncio, a conduzir e a observar? Não.

Ouvi o www.passo-a-rezar.net. Ok. É um mini programa de 10 minutos de oração diária, mas... onde está o meu silêncio? O silêncio do espírito, dos olhos, das palavras?

Não está.

Não tenho.

 

Silêncio - ausência total ou relativa de sons; ausência de comunicação, ainda que por meios diferentes da fala.

Voto de silêncio - algumas Ordens religiosas católicas fazem este voto: redimir toda a vida num sagrado silêncio durante o trabalho e oração.

 

Não falar durante algum tempo até consigo: há dias que é uma bênção. Mas silenciar o meu espírito e coração? Aí está uma coisa complicada para mim.

A Madre Teresa de Calcutá refere o exemplo de Maria, a Mãe de Jesus. Nos 4 evangelhos, e Atos dos Apóstolos, verifica-se que Nossa Senhora é uma pessoa silenciosa. É assim que é retratada em filmes e peças visuais. "Guardava todas as recordações como um bem precioso e meditava-as no seu coração".* Foram várias as situações que ela poderia ter interferido, falado e silenciado os demais. Mas ela sempre optou pelo silêncio, pois era nele que encontrava a união íntima com Deus. Ela dava a primazia a Deus, para resolver e solucionar.

IMG_1260.jpg

Silenciar os meus olhos? Outra coisa complicada. 

"Os nossos olhos são como janelas através das quais Cristo ou o mundo chegam ao nosso coração. Precisamos frequentemente de muita coragem para os manter fechados". *

É difícil escolher não ver, desviar o nosso olhar ou fechar os olhos. Quantas vezes faço isto? 

Raramente, para não dizer nunca (e parecer muito mal).

A Madre afirma vivamente que Deus fala-nos por intermédio das outras pessoas, mas para isso é preciso nos calarmos e ouvirmos as outras pessoas.

Quantas vezes eu me calo para ouvir deliberadamente, e não por expetativa e curiosidade? Raramente.

Também diz que quando meditamos, Deus fala diretamente connosco.

IMG_5138.jpg

Na criação, as flores, as árvores, as ervas crescem em silêncio profundo. As estrelas a lua e o sol deslocam-se em silêncio.

E eu?

Eu sou uma pessoa barulhenta, que procura atrair todas as atenções!

 

"O essencial não está naquilo que dizemos, mas naquilo que Deus nos diz e naquilo que Ele transmite por nosso intermédio".*

 

Meu Deus, Meu Pai.... Eu não consigo sem a tua ajuda. Sou demasiadamente humana. Concedei-me a graça de silenciar os meus olhos, o meu espírito e o meu coração, para poder estar em união íntima contigo.

 

IMG_4962.jpg

 

in ""Oração: Frescura de uma Fonte", capítulo 4, 

de Madre Teresa de Calcutá e do Irmão Roger de Taizé, Edições Paulus, 2006

 

Sigam-me

Comentários recentes

  • Anónimo

    Regular updates to the countdown to the Day of the...

  • Helena Le Blanc

    Ola!Obrigada Sr./Sr.ª Desconhecido(a).Vou dar notí...

  • Anónimo

    Mudou-se para o sapo e nunca mais escreveu?Dê notí...

  • Bruxa Mimi

    Boas leituras, Lena!Bjs,Mimi

  • Anónimo

    Bela ideia! Acho que o senhor padre este ano quer ...

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

Mais sobre mim

foto do autor