Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

as surpresas de DEUS!

uma cristã católica com sérias dificuldades no caminho da Santidade!!!

as surpresas de DEUS!

uma cristã católica com sérias dificuldades no caminho da Santidade!!!

E depois...

24.03.15, Helena Le Blanc

Feliz quem cuida do fraco e do indigente: O Senhor Salva-o no dia infeliz.
O Senhor guarda-o e mantém-no vivo, para que seja feliz na terra, e não o entrega à vontade dos seus inimigos.
Salmo n.º 41 - Deus cuida do abandonado.

Quando o salmista escreveu/cantou/orou estas palavras, tenho a certeza que não estava a falar de animais. Mas ao encontrar-las na minha bíblia, lembrei-me do que aconteceu recentemente.

Há uma semana e dois dias acolhemos o Salvador/Pluto na nossa família. Um cão de cor dourada, de tamanho mediano, pêlo cumprido, olhos cor de ouro, atitude meiga e sofredora…

Depois de percebermos parte da sua difícil história, decidimos ficar com o cão. Não teve, até à data, uma vida de carinho e de bons tratos!

Assim, logo nos primeiros instantes a nossa preocupação foi entender se ele sabia que não poderia fazer as suas necessidades dentro de casa. Com dois gatos, uma cadela, uma criança de 2 anos, um trabalho profissional absorvente, não dava nada jeito nenhum ter umas limpezas extras.

Depois percebemos que tínhamos dois grandes problemas: ele perseguia os nossos dois gatos (habituadíssimos a conviver com a nossa cadela e a estarem muito à vontade em casa) e em cada minuto de liberdade no nosso jardim tentava fugir da nossa propriedade.

Deitava-se para dormir nos cantos e a qualquer movimento e som levantava-se em imediato, assustadiço!

Com determinação e coragem continuamos a nossa rotina quotidiana, treinando agora mais um novo membro. Fomos com ele ao veterinário, por duas vezes, percebemos que ele estava a ter uma espécie de ataques e tomamos as decisões que achamos mais acertadas.

Uma semana e dois dias depois, o Pluto surpreende!

Já não persegue os nosso dois gatos (Anjo e Zuca), tolerando-os bastante bem. Já fica mais de dois minutos sozinho no nosso jardim (ainda não nos arriscamos a deixá-lo mais tempo), adora o nosso filho, salta de contentamento em vários momentos do dia, tenta roubar comida da despensa, tenta saltar para a cama, deita-se nos sofás, rouba os sapatos do meu marido, morde e brinca com alguns bonecos do meu filho!

Ao passear, se esta sem trela na estrada, vêm ter connosco quando o chamamos.

Tolerou uma data de amigos que recebemos para jantar recentemente. Entreteu-se a roubar-lhes o pão.

Está a tornar-se um cão com uma personalidade muito interessante!

Hoje li um post no facebook da pessoa que o encontrou, em primeiro lugar, num estado deplorável, que dizia o seguinte:

Apaixonei-me por ti logo no primeiro instante, e tu sabes! Só não fiquei contigo porque não posso, mas sei que agora estás bem entregue, que tens uma nova família que te ama e vai cuidar de ti! Espero que fiques bem Salvador/Pluto. Depois de tudo o que já passaste, bem mereces!

Meu Deus, peço-lhe benções para os jovens e adultos que se preocupam com os animais perdidos e abandonados procurando-lhes melhores vidas!

Dou graças por usarem o seu tempo livre nesta atividade de misericórdia.

Jubileu da Misericórdia

 

IMG_5766.jpg

IMG_8942.JPG

IMG_9126.JPG

IMG_8936.JPG

IMG_5753.JPG