Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

as surpresas de DEUS!

O nosso diário: aprendemos, vivemos e partilhamos a nossa Fé.

as surpresas de DEUS!

O nosso diário: aprendemos, vivemos e partilhamos a nossa Fé.

19
Nov16

ai ai ai que isto está difícil!

Helena Le Blanc

Olá Amigos(as)!

 

Antes de mais peço desculpas, mil e uma desculpas. Não consegui escrever nenhum post nestes últimos dias. A minha cabeça e o meu coração têm andado num grande desassossego.

Porquê?

Retomei o meu trabalho e encontrei novidades, mudanças que eu não consigo perceber (ainda). Apanharam-me de surpresa. São alterações boas e menos boas.

Os seres humanos lidam, por vezes, mal com as mudanças, especialmente se forem surpresas. Foi o que me aconteceu, motivo do meu desassossego nos últimos dias. Tenho estado a tentar perceber o motivo e a adaptar-me neste novo caminho.

Engraçado que uns dias antes Deus tinha-me avisado. Tinha lido o salmo 146 (145), e sublinhei na minha bíblia o seguinte: 

 

"Vou tocar para o meu Deus, enquanto existir!

(...)

Não coloqueis a segurança nos poderosos, num homem que não pode salvar!

(...)

O Senhor liberta (...)

O Senhor abre (...)

O Senhor endireita (...)

O Senhor ama (...)

O Senhor protege (...)

(...) mas desvia o caminho dos injustos.

Deus reina para sempre."

 

(versículos 2, 3, 7 - 10)

 

Dias mais tarde percebi que tinha-me enganado no numero do salmo, pois deveria ter sido o n.º 145. Na altura fiquei confusa e curiosa. Olhei novamente para este salmo e, para além do que eu já tinha sublinhado e meditado, não vi mais nada assim tão especial. Coloquei a questão de parte.

 

Agora percebo. Deus falou comigo avisando-me do que vinha aí.

 

Como tenho andado distraída por causa disto não preparei, contrariamente ao meu costume, a evangelização/catequese de hoje senão somente ontem à noite. Para quem não sabe sou catequista de um grupo de jovens de 12 anos.

E, surpresa das surpresas, Deus voltou a falar comigo!

Para quem tem o livro dos Mistérios da Fé n.º 2 da Teresa Power, é o capítulo "Da tempestade acalmada a S. Paulo" (pag. 68).

Ao preparar esta catequese, deparei-me com as seguintes mensagens: 

 

"Não podemos fugir ao sofrimento";

"Mas sabemos que, se viajarmos com Jesus, "o barco" não se afundará. Mas também sabemos que poderemos acordar Jesus para que Ele manifeste a sua Omnipotência".

(Palavras da autora sobre a passagem de Jesus quando acalma a tempestade, Mateus 8, 23-27)

 

"Porque quando eu sou fraco, então é que sou forte" (2 Cor 12,10)

S. Paulo alegrava-se no meio dos perigos e sofrimentos porque eram exatamente nesses momentos que o poder de Deus se manifestava na sua vida. Nós até poderemos esquecer-nos por algum tempo de Deus, quando a nossa vida está bem e as nossas capacidades são suficientes para resolvermos os problemas da vida. Mas Deus nunca, mas nunca mesmo, nos abandona. Quando sentirmo-nos ultrapassados e precisarmos d´Ele, acreditem que Ele se manifestará.

Ele é fiel eternamente.

IMG_7591 alterado (3).JPG

 

4 comentários

Comentar post

Sigam-me

Comentários recentes

  • Helena Le Blanc

    Ola!Obrigada Sr./Sr.ª Desconhecido(a).Vou dar notí...

  • Anónimo

    Mudou-se para o sapo e nunca mais escreveu?Dê notí...

  • Bruxa Mimi

    Boas leituras, Lena!Bjs,Mimi

  • Anónimo

    Bela ideia! Acho que o senhor padre este ano quer ...

  • Helena Le Blanc

    Ola Teresa!É difícil não te reconhecer pelo conteú...

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

Mais sobre mim

foto do autor